• @richardsongaarcia

One Choice - Capitulo 14

#Derek


A noite em casa quando cheguei na cozinha a Bruna mãe de Leandro estava no telefone;

- Dois copos de leite, isso, não deixa ele sozinho, qualquer coisa mudança de humor ou febre, qualquer coisa mesmo me ligue, por favor. Tchau. Fique com deus.

- Paciente?

Perguntei entrando na cozinha!

- Ai Garoto que susto.

- Desculpe.

- Leandro foi deitar?

- Ele esta no quarto dele.

Bruna se aproximou como se fosse contar um segredo e pouco sem graça falou;

- Era a mãe do Davi, ele tentou suicídio.

Olha assim como vocês eu fiquei de boca aberta, não sabia o que dizer, como aquilo doeu em mi;

- Bruna, mas, com ele está?

- Está bem, vomitou tudo, ele tentou tomar uns comprimidos da mãe. Não sei se conto pro Leandro.

- Nossa que barra. Olha não sei o que lhe dizer sobre isso.


#Davi


- Vamos Davi, olha tem seis meses que você não sai comigo, vamos vai ser legal.

- Iago para um clube eu estou branco como um palmito.

- Vou passar na sua casa em 20 minutos.

- Tudo bem então!

Ele como um amigo estava tentando me fazer sentir melhor, e aos poucos eu estava me adaptando a essa nova rotina, coloquei uma roupa na minha mochila e estava procurando uma sunga, quando Marcela entra no quarto;

- O que esta procurando?

- Minha sunga azul, você viu?

- Você jogou fora há um tempo, disse que estava velha.

- Ah é mesmo, ai caramba.

- Vai sair é?

- Sim, ao clube com o Iago! Quer ir?

- Não, vai se divertir você está precisando.

Quando ela terminou de falar ele buzina na porta de casa, entrei no carro ele estava de boné aba reta e camisa azul marinho, um short muito curto;

- Joia?

- Sim, te falar, precisa passar em uma loja para comprar uma sunga.

- Tudo bem tem uma bem em frente.

Musica alta, o céu maravilhoso, assim que chegamos no estacionamento, peguei as coisas e fomos na loja. Escolhendo a sunga e Iago tirando foto;

- Olha aqui Davi, anda!

- Ai gente, tira logo.

A vendedora veio me auxiliar, muito atenciosa já estava intimo dela;

- Então são irmãos?

- Não, não, somos namorados.

Respondi, ela ficou muito sem graça, Iago riu de cabeça baixa;

- Formam um belo casal.

- haha’ Somos somente amigos, estou brincando com você!

- Ah entendi, mas vocês?

- Sim, somos gays!


#Iago


Onde iriamos, a qualquer lugar que Davi estava ele chamava a atenção, o cara era presença, além de ser lindo, e sim eu estava forçando a barra entre a gente. Vou falar mesmo que não acreditem, eu me aproximei muito agora que ele esta solteiro, como amigo não queria vê-lo sofrer, e confesso que tenho uma queda por ele, Davi era o tipo de cara dos meus sonhos, talvez dos seus também.

Short branco, cabelo ainda seco cachos grandes e um óculos Oakley preto meio que quadrado desenhando aquele rosto, tatuagens a mostra, e a sunga cinza discreta aparecendo sobre o calção, era Davi saindo do vestiário, para uns poderia estar vestido normal, mas realmente lindo, um sorriso que derretia qualquer coração.

Tomamos um banho em algumas piscinas almoçamos no clube e a tarde fomos para as quadras jogar tênis,

- Cara você só tem força, mas é muito ruim!

- Nunca joguei isso, tem que me dar credito!

- Espera vou te ensinar!

- Falou o sabe tudo!

- Olha você segura e faz esses movimentos aqui. O corpo assim, dai consegue com mais força e sua mira melhora. Tenta você!

- Hum, assim?

Ele era um bom aluno, melhorou um pouco como Davi tem um ego grande eu elogiava bastante tirando altas risadas dele.


#Davi


- Chuveiro?

- Vamos!

Entramos no vestiário e tirei minha roupa e fui para o chuveiro o Iago logo entrou no coveiro ao lado que eram separados por uma parede alta, depois de me ensaboar olhei por cima ele se virou;

- Ei, o que esta olhando?

- Nada, você estava me olhando não posso te ver pelado?

- Davi, sai pra lá.

Falou ele jogando água, desci e fui me secar, peguei meu celular e tirei uma foto com ele no fundo, com o cabelo todo ensaboado!

Saímos e quando estávamos próximo a minha;

- Vou à boate hoje!

- Aquela GLS?

- Não, agora é LGBT.

- Que grande diferença em! Esta me convidando?

- Sim, não queria ir sozinho!

- Não sei Iago.

- Davi, você só precisa me acompanhar dançar e se quiser beber. Não estou procurando sexo, só diversão ok.

- Diversão eu posso cuidar disso.

Ele olhou sem graça e abriu a porta do carro.

- As onze passo aqui ok.


#Derek


Estava tomando banho em casa quando o Victor chega e entra para o quarto de Leandro. Depois que terminei bati na porta;

- Posso entrar!

- Sim.

Victor estava sem camisa deitado na cama e Leandro na mesa com o computador!

- Vou para a balada estão afim?

- Vamos ficar em casa, mesmo Derek vai lá boa noite.

- Valeu e boa foda pra vocês.

- Vou cuidar disso.

Respondeu Victor. O cara era muito confiante às vezes era irritante. Peguei um táxi e cheguei por volta de dez e meia na festa, fiquei no bar bebendo um pouco depois fui para a pista de dança, e voltei para o bar, bebendo olhando para a pista de dança vejo Davi.

Não acreditei ver ele naquele lugar, não parecia bêbado, estava feliz, fiquei muito bem por isso, estava dançando todo animado, fui me aproximar para cumprimentar ele (...).


To Be Continue...

0 visualização
Assine para ser o primeiro a receber os capítulos 

Siga a gente:

©2015 por Armário Erótico Todos Direitos Reservados. Criado orgulhosamente com Richardson Garcia