• @rgpatrickoficial

Love is Love - Capitulo 22 - Segredo de Thiago

#Beto


Eu estava beijando Henrique entre meio aos cobertores, quando ele perguntou;

- Porque está fazendo isso?

- Porque estou com tesão, você não?

- Não é isso Beto, falo trabalhar na empresa.

- Olha amor, querendo ou não  ela pertence a nos, e um dia a Ayla, então eu me prontifiquei em entrar nessa com você.

- O que o Thiago fez pra você mudar de ideia em?

- Foi um boquete, rápido, mas deixou eu gozar em sua boca.

- Haha’ Beto.

Falou Henrique rindo e me jogando um travesseiro, eu fui para cima dele fazendo cócegas;

- Beto, para, vamos acordar Ayla.

- Vem aqui então.

Eu estava deitado e puxei ele para meu colo, Henrique ficou entre luz, com aqueles cabelos cor de mel, olhos e bocas perfeitos, como se fossem desenhos, beijando lentamente e vagarosamente;

- Eu Te Amo.

- rsrs’ Também te amo Henrique, a prova disso está ali no quarto ao lado.

- Vamos pro banheiro.

- Quer no banheiro?

- Sim, porque.

- Por mim ótimo.

Fomos para o banheiro, liguei a banheira e enquanto estava enchendo já estava La dentro com Henrique, nem esperamos.

Eu o beijava com vontade, tirando seu fôlego, me sentei a beira da banheira onde estavam as toalhas e ele veio por cima me beijando, eu logo comecei a introduzi-lo, minhas mãos passavam por suas costas e as unhas lentamente, beijava seu pescoço, mordia seu peitoral, enquanto ele deliciava sobre meu cassete, com a água já pronta, só entramos lentamente, ele ficou ainda sobre mim, com movimentos lentos, se contraindo e tirando gemidos meus, as vezes me beijava, as vezes me mordia, quando fui para gozar eu fazendo movimentos mais e mais rápidos, fazemos até uma bagunça no banheiro.

Ficamos por um tempo ali, bebendo vinho e falando da vida, acho realmente que era o que eu precisava depois de um dia estressante de trabalho.


#Matheus


- Pedro só tem essa cara de santo, mas os santinhos são os piores. (Matheus).

- Matheus. (Pedro).

- O que foi? Quem está com a mão por cima do meu short. (risos). (Matheus).

Estávamos comendo comida japonesa, na casa de Heitor, eu sentado ao lado de Pedro, e eles juntos, rindo alto de minhas brincadeiras;

- Léo é mais para o lado romântico. (Heitor).

- Mas você prefere assim. Não é mesmo. (Léo).

- Sim. (Heitor).

- Precisam apimentar as coisas as vezes. Heitor compra uma fantasia de leoa. (Risos)(Matheus).

Eles caíram na risada.

- De Leoa Matheus? (Léo).

- Sim Leonardo, ai você caça ele com sua espingarda. E tira todo a pele, se é que me entende. (Matheus).

- Hahahah’ Ai Matheus, só você mesmo, Leoa foi demais. (Heitor).

- rsrsrs’ é não é querendo acabar com a graça, mas Leonardo, até onde vai essa historia de Presidência? (Matheus).

- Bem, estou apreendendo muito, Thiago tem muita bagagem e tem muito o que ensinar, eu sentei e conversei com Cauã por horas, ele está tranqüilo, e não se sentiu ofendido com a decisão do pai dele. (Léo).

- Não tem receio da revista ficar para você? Digo a presidência? (Matheus).

- A revista está em Testamento, junto com as ações no nome da família, eu e Cauã somos os herdeiros, agora Eu e Eduardo caso não tenha filho. (Heitor).

- Mas e sua mãe? E Thiago? (Léo).

- A empresa é administrada por eles, mas eu e Eduardo somos os verdadeiros donos, como ele é menor, é Cauã em seu lugar. (Heitor).

- Nunca me disse isso. (Léo).

- O Testamento foi feito pelo avó de Thiago, deixando tudo para a 5° geração de nossa família, a partir dela poderão fazer o que quiser. (Heitor).

- Quem sabia disso? (Matheus).

- Eu, meus pais, Thiago, Marcelo e Cauã. (Heitor).

- Mas o Thiago, fez aquilo com Cauã, e aquela bagunça deixando todos preocupados na revista, espera... (Léo).

- Amor nunca tente entender meu tio, sua cabeça pode ser e fazer tudo isso, mas você sabe que dá certo. (Heitor).


#Leonardo


Depois do jantar, os meninos foram embora e eu ainda coloquei Heitor contra a parede;

- Amor, está dizendo que sabia sobre tudo isso?

- De certa forma sim, eu não me assustei com as atitudes dele afinal, conseguiu o que queria não?

- Como assim?

- Leonardo quem dentro da revista tem mais amizade com Matheus? Quem eles confiariam?

- Por isso que ele mandou eu fazer a proposta da Austrália.

- Porque Henrique não vendeu a empresa?

- Porque Beto voltou.

- E?

- Beto está trabalhando na empresa.

- Ele só não manipula o Luan, porque Luan tem o mesmo temperamento e pensam do mesmo jeito.

- Por isso eles não dão certo.

- Sim.

- Estou me sentindo um tolo.

- Rsrsr’ vem aqui, vamos dormir.


#Thiago


- Onde estava?

- Bom Dia, Marcelo, fui correr um pouco, havia um tempo que não saia.

- Bom Dia amor, Luan veio falar comigo no hospital.

- Falar o que?

- Ele quase se implorou, se sentiu com vergonha pelas atitudes que teve.

- Admiro muito seu carisma, ele realmente me chama a atenção.

- Eu olho pra ele e te vejo.

- rsrsrs’ Sim, ele é sem educação, arrogante e mandão...

- Igual a você.

- Nem vou te dizer nada Marcelo, olha vou tomar um banho, e ir trabalhar.


#Luan


Estava em casa dando banho na Nina;

- Isso fica quieta, já fizemos bagunça demais... Terminar aqui eu vou tomar um banho, ai vamos passear, acho que caio vai demorar chegar...

- Oi, oi, oi.

Disse Caio abrindo a porta;

- Olha ai falando nele.

- LUAN!

- Que foi?

- Banho na Nina na cozinha?

- A água do chuveiro esta muito quente.

- Cadê seu apoio do braço?

- Não preciso mais, não está vendo.

- Vou comprar duas coleiras e colocar um em você.

- Vixe TPM.

Tomei um banho, coloquei a coleira na Nina e fui passear com ela;

- Onde vão?

- No parque aqui atrás. Vamos?

- Não, tenho que ler esse processo aqui, vão lá, bom passeio.

O local era bem agradável, tinha muitas arvores e também um chafariz, e poucas pessoas, fiquei em um banco olhando a cachorra brincando solta, depois, paramos em uma sorveteria e fiquei sentado do lado de fora, estava olhando um vídeo que haviam me mandado no Whatsapp, quando Nina sai correndo para outra mesa, levantei meio desajeitado e fui atrás, quando olhei esta estava toda animada com um cachorrinho;

- Mas não nega a raça. Racha é só ver um par de calça que já fica coçando, no seu caso só de ser peludinho já vai né. Vem Nina.

- Nina?

- Eu sei o nome não é criativo, mas...

Foi uma cena de filme, estava eu falando e subindo o olhar no rapaz que estava com o outro cachorro, quando olhei para seu corpo seu rosto, posso dizer com convicção que era o segundo homem mais lindo que já tinha visto, claro o primeiro é o Caio;

- Nina?

- Sim, prazer.

- Prazer sou Renato, e você?

- Me chamo Luan.

- Prazer Luan. Pelo visto alguém se interessou por você Teco.

- Teco?

- Ela se chama Nina.

- Tá não foi culpa minha, meu namorado que escolheu.

- Posso dizer que ele tem um ótimo gosto.

- Eu também acho, ela é perfeita.

- Eu estava falando de você.

Sabem aquela risada sem graça, quando recebem um elogio, nos sentamos e começamos a conversar, bastante mesmo, sobre tudo, olha se o cara fosse o que disse eu estava apaixonado;

- O que faz no Rio?

- Sou Perito Criminal Federal.

- Nossa essa sim é uma profissão de respeito.

- rsrsrs’ Sim.

- Luan? (Thiago).

- Aff’ Thiago até aqui. (Luan).

Ele estava se aproximando o cara olhou com uns olhos arregalados;

- Boa Tarde, Renato. (Thiago).

- Boa Tarde senhor. (Renato).

- Ah, o que é isso? Pegadinha? (Luan).

- Renato trabalha na empresa do Henrique. (Thiago).

- Vou ter que visitar mais essas empresas desse jeito. (Luan).

- Tem que ficar de olho no seu namorado, isso sim. (Thiago).

- O que você insinuou?(Luan).

- É melhor eu ir. (Renato).

Ele saiu sem eu nem perceber, Thiago se sentou na minha frente;

- Nada, só para ver sua cara de estressado.

- Aff’, só foi você chegar o gatinho foi embora.

- Ele é um garoto de programa Luan.

- ah e o que tem, não posso me divertir não?

- Rsrsrs’ Você não presta.

- Ta falando de que? Fica com meu namorado o dia inteiro em uma sala e não reclamo.

- Você apontou uma arma pra mim.

- Já pedi desculpas, e você tinha que ver sua cara. Mas diz ai, o que faz por estes lados?

- Vim esfriar a cabeça.

- Thiago para você esfriar a cabeça, tem que passar férias no Polo Norte. (risos).

- Concordo. Pois então estava andando e encontrei essas duas cadelas aqui.

- Há há, que engraçado. Vamos Nina.

- Nina? Hahaha.

Thiago deu gargalhadas com o nome da cachorra.

- Ai e agora vai ficar zoando ela é?

- Que nome horrível Luan, coitada.

- Fala isso pro seu advogado. Vem vamos embora minha filha, passeio conturbado esse nosso.

- Que tal um jantar na minha casa hoje?

- Você e Marcelo vão  cozinhar?

- Somente eu, Marcelo na cozinha é um atentado terrorista. (risos).

- Confirmado.

14 visualizações
Assine para ser o primeiro a receber os capítulos 

Siga a gente:

©2015 por Armário Erótico Todos Direitos Reservados. Criado orgulhosamente com Richardson Garcia