• @richardsongaarcia

Eles e Eu - Capitulo Final

Voltei a beira da piscina;

- Acha que tem a possibilidade de eu convidar outra pessoa?

- Não só estou tendo certeza.

- De agora em diante você é a pessoa mais importante na minha vida.

Ele veio me beijar, e claro, puxei ele para dentro, ficamos em uns amassos por um tempo, e começou a chover do nada, entramos tomamos um banho, compramos pizza, assistimos um filme.

 Theo lavou a louça, isso mesmo;

- Estou ensinando direitinho em!

Disse eu chegando e encoxando ele na pia, beijei o pescoço dele;

- Vai sonhando, quem cozinha aqui é você.

- Somos perfeitos um pro outro, eu cozinho e você lava a louça.

- Nossa que perfeição, romântico você em.

Rsrsrs’ dei mais duas encoxadas fortes nele dizendo;

- Que tal depois subir e ser meu escravo na minha cama em?

- É agora estou preocupado, com o que eu coloquei no suco.

- Rsrssrs’ Ah quero te dar uma coisa.

Falei ao seu lado pegando uma xícara de café, tirei meu colar com o crucifixo e coloquei nele;

- Ah Dylan, é seu amuleto, não pode me dar ele.

- Posso sim, é meu. E minha sorte agora são meus pais, que estão olhando por mim.

- Cara obrigado mas tem certeza?

- Sim, relaxa.


Me aproximei beijando ele, abracei forte o Theo e disse;

- Namora comigo?

- Não vai ajoelhar e colocar o dedo novamente não?

- Rsrsrsrs’ Não, é serio. Quero aproveitar cada momento que posso com você.

- Acho que o amuleto já esta dando sorte viu.

- Isso é um sim?

- Sim.

#Theo

- Como está para o jogo?

- Estou preparado! Não sei o time.

Dois dias se passaram, eu estava na arquibancada com o Junior, o TAG estava cheio, não tinha para ninguém, nosso time de basquete comandava, todos estavam na expectativa da volta de Dylan para o time.

E se concretizou na entrada, foi como um gol ver ele na quadra, todos gritando, animação de geral, como uma comemoração, não tanto quando Ryan entrou, ele foi vaiado, e Dylan o retirou de quadra, houve um começo de briga, mas Ryan foi retirado do estádio.

Vocês sabem que não entendo muito de basquete, e não da pra ficar contando como no futebol cada “Gol”  nesse caso “Cesta”, porque eram muitos pontos.

 Em dois momentos do jogo Dylan olhou pra mim, que estava quase engolindo o colar, rsrsrs’. E em um destes momentos ele me mandou um beijo, cara tipo de boa, mas fiquei muito sem graça;

- Vai. Vai. Vai!!!

- Pelo amor de Deus Junior, que ta acontecendo.

- Estamos nos últimos segundos, precisamos de uma cesta de 3 pontos JÁ GANHAMOS.

- O que?

Meu Deus eu estava mais perdido que filho de puta em puteiro. Todo mundo gritando, invadimos a quadra, eles haviam ganhado o torneio, cara pra mim foi como um fim de copa do mundo, eu estava comemorando mas se perguntasse de quanto ganharam eu não sabia .

Estavam carregando o Dylan com o troféu, eu e Ashley louco no meio da bagunça gritando como loucos.

Logo ele veio até mim, poxa estava tão feliz, e ofegante, ele se aproximou me abraçou e rodamos;

- Dylan isso foi muito gay!

- Rsrsrs’.

Ele me beijou, ali na frente de todos.

Depois da comemoração estávamos no refeitório, na mesa, eu Dylan, Ashley e Susan;

- Theo você vai com quem no baile desta noite?

- Com o Dylan, porque?

- Ufa!

- Haha’ iriam nos convidar?

Perguntou Dylan a Ashley.

- Sim, afinal teria que ser de casais não é mesmo?

- Eu e o Dylan somos um casal.

- Ahhhhh! Dylan você fez?

- Fez o que?

Todos começaram a rir, cara não acreditei que aquilo foi ideia da Ashley;

- Não acredito, sua vaca, pensei que fosse verdade.

Eles caíram na gargalhada.

Bem neste dia ao chegar em casa minha mãe estava passando o terno que usaria na noite, eu cheguei ao lado da porta e fiquei olhando, bem tinha que contar a ela não é mesmo;

- Que cara é essa? Não vai me contar mesmo quem é a garota?

“Isso não deveria ser difícil da forma que é, explicar que esta namorando alguém do mesmo sexo deveria ser algo como chegar em casa, Mãe estou namorando, e pronto.

 Esse modelo imposto pela sociedade, acaba por fazer milhares de pessoas sofrerem sem razão, afinal não sou diferente de ninguém, tenho os mesmos direitos e deveres na sociedade como qualquer um”.

- Mãe... Não é ela, não é uma garota(...)

Ela deixou o ferro, me olhou indiferente, porem calada;

- (...) É o Dylan, estou namorando o Dylan mãe.

- Desde quando?

- Aconteceu a primeira vez no natal.

- Isso é errado meu filho.

- Depende de qual ponto de vista a senhora está vendo.

- Do ponto de vista religioso, de Deus, e tem outro?

- Mãe qual a maior dádiva divina?

- O amor é uma das maiores dádivas de Deus.

- Mãe é o que eu sinto por ele, Dylan, acho que é o sentimento mais verdadeiro e sincero que já senti por alguém.

- Se bem que fazer o que fez por ele, não é para qualquer um.

- Sim, e a senhora também. Mãe fiz isso por ele e pela senhora.

- Você esta certo, esse sentimento de vocês que o ajudou Theo, por isso a recuperação rápida.

- Eu sei. Mas tudo bem?

- Não, nada bem, mas você é meu filho, se está feliz, eu estou feliz, mesmo não concordando.

- Obrigado. Vou tomar um banho, logo, logo ele chega.

#Dylan

O único terno que eu tinha era o do velório de meus pais, tive que comprar outro, e que tinha que combinar com o de Theo.

 Eu sonhei com esse dia por vários meses, e ter o Theo do meu lado, seria esplêndido.

Fui pegar ele em casa, já atrasado, ao chegar, e tocar a campainha sua mãe, abre, pois é, havia me esquecido de Gloria;

- Oi!

- Você está lindo.

- Obrigado.

- Entre.

Ela fechou a porta, e ficou de frente pra mim, em silencio por alguns segundos;

- Ele me contou, conversamos.

- Espero que tenha compreendido.

- Não, mas entendi uma coisa Dylan, tudo que meu filho fez foi porque gosta de você, desde a recuperação, até hoje e sei que é sincero, como mãe eu te peço. Não desperdiça isso que estão vivendo, se for importante pra você também.

- Nunca pensei em dizer isso Gloria, mas eu amo seu filho.

- Que estão fofocando em?

Disse ele vindo do corredor, cara lerda, terno sem a gravata, cabelo penteado, ao se aproximar o perfume forte que ele usava. Peguei em sua mão;

- Vamos?

- Sim, mãe não me espere acordada.

- Juízo você dois.

#Theo

Ao chegar no colégio a festa aconteceria na quadra, logo na entrada tiramos umas fotos, e eu via as meninas, Ashley e Susan;

- Ai te achei Dylan, você vem comigo, vai entrar junto com o Time.

Disse uma de nossas professoras, levou ele para o vestiário, eu então entrei até as meninas;

- Já votou?

- Votou pra que?

- Rei e Rainha do Baile?

- Não.

Fui até uma mesinha que havia, o Junior estava nela, peguei um papel e marquei eu e a Ashley;

- E ai Junior acha que quem vai ganhar?

- Quem?

- É.

- Dylan e Stella.

- Aff’ o que esta fazendo ai, olha o tanto de papel, porque não preenche com meu nome.

- Não Posso.

Ashley chegou perto, perguntando;

- Votou no Dylan?

- Não, eu quero ganhar.

- Aham Theo vai nessa.

- Aposto que vou ganhar.

- Apostado que eu vou ganhar.

- Quem perder dança funk no palco.

- Você não sabe dançar funk.

- Por isso mesmo que vou ganhar.

APOSTADO, nos fomos pegar bebida e todos que eu via pedia para votar em mim, chegou a ser engraçado, as meninas encontraram uma mesa, e o Diretor anunciou a entrada do time de basquete;

“- E agora, com vocês, o Time de Basquete do TAG, campeão unânime na categoria estadual. Palmas por favor.”

Aquela frescura e todo o alvoroço, ele se sentou conosco, comemos, dançamos, e a noite foi perfeita pois nossos amigos estavam conosco.

 Quando o diretor voltou ao palco seria para anunciar o rei e rainha do baile, Ashley me olhava com ar de competição.

Ele subiu ao palco, Junior o acompanhou com o envelope;

- Bem vou anunciar agora o rei e rainha do baile deste ano de 2015, todos sentados por favor. Junior, aqui... Obrigado! Para Rei do baile não temos surpresas, Dylan Duncan...

Dylan subiu e colocaram a coroa e entregaram a ele um cedro;

- Bem.. Agora Rainha, Hum interessante, por favor suba ao palco, Ashley White.

VACA. Que raiva, não acredito nisso.

Ela subiu eles a coroaram, e ouvimos um grito de Stella;

- Quero recontagem, isso é roubo, ela não pode ser rainha...

A garota fez um escândalo, só parou quando a Ashley tomou o microfone da mão do diretor e disse;

- Querida, não precisei trair ninguém para estar aqui.

Precisa falar mais alguma coisa? Acho que não né galera!!!

Diretor pegou o microfone e completou;

- Bem vamos aos discursos, Dylan...

- Obrigado senhor. Bem, queria agradecer a Stella e ao Ryan, que se eles não tivessem assumidos completos idiotas nunca saberíamos não é mesmo. A meu melhor amigo Ethan, que sempre esteve comigo nas horas boas e ruins. Ashley que ainda estaciona na minha vaga, é serio vou mandar escrever meu nome nela, rsrssr! E por ultimo ao Theo, não tenho muito o que dizer, bem você sabe o que sinto. Só Agradeço por você ser a razão de tudo isso estar acontecendo!

“Alguém mais chorou ai?”

Fiquei vermelho. Ashley pegou o microfone em seguida;

- Ai que inveja desse casal. Bem eu não tenho anda pra falar, mas Ah! Theo sobe aqui, PESSOAL, Theo vai ensinar a gente uma dança muito popular no pais dele. Vem seu tímido arrasa.

Isso mesmo, ela fez isso, na frente do colégio inteiro. Eu subi no palco, Dylan passou a musica para o DJ, e ele e Ashley me acompanharam, os 3 idiotas dançando funk no palco, no meio de uma festa de “gala”.

Depois do mico dançamos na pista, caramba eu fui ao banheiro e ao retornar, me sentei pois meu pé já estava doendo do sapato, Dylan veio puxou a cadeira próximo a mim, ele estava com os olhos lacrimejando;

- Cara adivinha?

- O que?

- Ganhei a bolsa da Universidade, tinha um olheiro no jogo hoje, o técnico acabou de me falar.

- Ah’ meu Deus, fico muito feliz por você Dylan, parabéns, mas está chorando por isso?

- Não, é que eu queria que meus pais estivessem aqui.

Ele limpou algumas lagrimas, eu apertei sua mão dizendo;

- Ei, eu estou aqui, se acalma. Eles não estão aqui, mas de onde estiverem estão orgulhosos de você, assim como eu.

- Onde leu isso?

- Na embalagem que achei no chão.

- rsrsrs’ Idiota.

Disse ele rindo e beijando meu pescoço, fiz carinho no cabelo dele, o garçom passou eu peguei duas taças e entreguei a ele;

- A universidade?

- A universidade!

- Te amo Dylan.

- Eu também Te Amo Theo.

*** FIM ***



0 visualização
Assine para ser o primeiro a receber os capítulos 

Siga a gente:

©2015 por Armário Erótico Todos Direitos Reservados. Criado orgulhosamente com Richardson Garcia