• @richardsongaarcia

Ele usa, Dólmã - Capitulo 7

Eu fui a cozinha tomar meu remédio e a Margarida atende o interfone da casa;

- Oi... Um momento. – Ela protege o microfone e me fala. – Alex está aí, deixo entrar?

- Sim, por favor. – Falo animado.

- Pode sim, obrigada.

- Vou para o escritório, por causa da minha mãe, conhece ela né. Leva um suco para a gente por favor.

- Levo sim Filho.

Já espero ele na porta. Alex estaciona pega sua mochila entrando;

- Fala irmão.

- E ai, Alex, beleza?

- Ótimo, ué não está assistindo ao jogo?

- Preferi não.... Entra, vamos para o escritório, minha mãe está em casa, e você conhece a peça.

- Eita conheço sim Dona Edite, desde que jogávamos na rua ela nunca mudou.

Seguimos para o escritório, a Margarida traz as bebidas, e ele pega suas coisas;

- Como está se sentindo?

- Melhor, parece que estou em uma montanha russa, com estomago embrulhando, mas bem.

- Otimo.

Alex abre seu notebook, e separa uns papeis na mesa;

- Vamos lá?

- Sim.

- Para começar, os seus gastos pessoais diminuíram muito cara, tipo, trinta por cento em um mês.

- Deve ser por causa dos jogos, fim de temporada sem tempo, já viu né. – Falo olhando o papel.

- Sim.... Assine aqui, todas essas três folhas por favor.

- Beleza.

- Pagamento de funcionários, e despesas estão tudo ok Adrian.

- Ótimo.

- Preciso tratar duas coisas com você.

- Manda. – Entrego as olhas a ele.

- Relatórios de gastos e verbas do Mariano nunca batem, preciso de um rumo a seguir!

- Ok, liberação de grana para ele, somente com assinatura minha, já falei para você, a única pessoa que pode fazer retirada sem autorização é Margarida.

- Beleza, porque quando ele vir novamente irei ter que falar isso, e você conhece o cara.

- Você trabalha para mim Alex, não para o Mariano, fica tranquilo. Que é a segunda coisa?

Ele engole seco, e me encara para falar;

- Cristian.

- O que tem ele?

Alex encosta na cadeira e continua;

- Primeiro, não tenho nada contra, eu trabalho para você, e sigo suas ordens. Mas como amigo, tenho que te alertar, sei que já te perguntei isso antes, mas quero frisar! Adrian você confia nesse cara?

- Confio Alex, porque?

- Sei lá, depois do que houve com o Neymar, só pensei que poderia dar merda, coisa da minha cabeça.

- Ingenuidade sua me comparar ao Neymar cara. Cristian ganha bem para manter a discrição, e escolhi ele porque também tem a perder, assim como eu.

- Confio em você Adrian, se está falando.

- Mandei ele lhe procurar, quero que ajude com procedimentos com a Receita Federal, beleza?

- Sim, pode ser, iria lhe lembrar disso também, havia me esquecido.

- Ótimo.

Continuamos falando de trabalho, até eu receber notificação no celular do time estar ganhando. Alex assistiu o segundo tempo comigo em casa.

Eu estava mais fraco que o normal, por causa do ocorrido, então deitei cedo, com os remédios.

No dia seguinte acordei com a Margarida me chamando, ela entra no quarto falando meu nome e indo abrir a janela;

- Filho, levanta... Adrian.

- Estou de atestado Margarida, me deixa.

Ela sorri e diz;

- Mariano ligou, vocês têm uma reunião essa manhã.

- Ai, ele não disse nada.

Ela abre as costinhas, deixando a luz do sol invadir o quarto;

- Melhor se levantar, porque se ele entrar sua mãe começa a gritar, rsrs.

- Rsrs, você está certa.

Eu me levanto, indo para o banheiro e ela questiona;

- Quer o que de café?

- Estou bem Margarida, não precisa fazer nada não.

- Vou fazer uma vitamina para não sair de barriga vazia. – Ela fala descendo.

Tomei um banho quente, e me arrumei descendo, fui a cozinha pegar a tal vitamina, e quando volto escutando os áudios do Mariano, minha mãe desce as escadas, com aquela camisola gigante, parecendo vestido de casamento;

- Bom dia querido.

- Bom dia mãe.

- Vai onde menino?

- Tenho reunião essa manhã.

- Vou sair com umas amigas, e talvez almoçar fora tudo bem. – Ela me beija deixando marca de batom no meu rosto.

Estava maquiada as sete e meia da manhã.

- Margarida to saindo... Com Deus mãe. – Falo saindo.

- Vai com Deus meu filho.

O carro de Mariano estava me esperando ao lado de fora. Entrei teclando no celular, e assim fiquei.

Estava avisando o Cristian de Alex, que iria ajudar e tals. no carro estava eu, Gabriela e Mariano pilotando;

- (...) sua mãe tem que medir as palavras, estamos trabalhando, ganhando a vida, e mantendo a vida de ostentação dela...

Ele resmungava no volante, eu no banco de trás ignorando;

- O Palmeiras passou do grupo. Isso nos dá tempo e mais tranquilidade para fazer tudo.

- Eu vi o que postou ontem, tem milhares de compartilhamentos, e comentários. Alguns sites de fofoca estão falando, e ganhou quase cem mil seguidores nestas poucas horas. Parabéns. – Gabriela fala do banco da frente.

- Obrigado.

Mariano olha, por eu ter respondido ela e estar ignorando ele;

- Os Le’Biancos estão crescendo muito, essa renovação de parceria será ótima para você, então por favor Adrian, faça uma força para conseguirmos esse contrato de mais um ano. – Mariano me fala olhando pelo retrovisor.

Eu dou um sorriso sarcástico e digo subindo os óculos;

- Eu? Quem foi pau no cu foi você Mariano. Onde já se viu fazer o que fez. Agora você tem que chegar já pedindo desculpas, ou nem precisa perder tempo.

- Que aconteceu? – Gabriela questiona.

- Mariano se recusou a ser atendido pela gerente, por ser travesti.

- Meu Deus. – Gabriela exclama. – Adrian está certo, chega pedindo desculpas, por favor.

- Beleza, parem de me encher.

- Fiquei sabendo de vinculação na televisão da Tropicale, temos que conseguir pôr tudo colocar você nessas propagandas, quanto mais visibilidade melhor. – Gabriela fala se curvando no banco.

- Tudo bem. – Confirmo.

O Mariano estaciona frente ao restaurante, que estava fechado. Nos descemos se aproximando e um segurança abre a porta;

- Bom dia senhores... Lívia e o Chef Stefano estão terminando uma reunião, por favor ficam à vontade. – Ele aponta para a saleta de espera do lugar.

Agradecemos se acomodando e vem um garçom questionando se queríamos algo.

Depois de uns minutos, coisa rápida, saem algumas pessoas, e o próprio Stefano aparece chamando a gente;

- Bom dia! Desculpem a demora. – Ele fala cumprimentando todos.

- Que isso, não se preocupe. – Mariano diz.

- Me acompanhem por favor.

Havia uma mesa imensa, aquelas redondas ao centro, com um café da manhã de hotel, coisa maravilhosa preparada, alguns garçons e a moça que o Mariano destratou da última vez.

Foi entrarmos e ela se retira do salão. A Lívia cumprimenta todos, e havia também outro rapaz, que eu não conhecia;

- Minha irmã vocês conhecem, e esse é o Charles, responsável pelas nossas finanças, espero que não se importem de ele participar. – Stefano fala se sentando ao meu lado.

- Claro que não, fique à vontade.... Bem essa é Gabriela, nossa nova assessora. Gabriela essa é Lívia, e Stefano Le’Bianco.

- É um prazer conhece-los. – Ela fala cordialmente.

- Então, temos... – Stefano iria falando, e Mariano interrompe.

- Por favor, antes de começarmos, queria que você chamasse sua gerente, queria me desculpar pessoal com ela.

Ficamos tipo, O QUE? Nunca imaginei que ele faria isso, Stefano olha para trás a um dos garçons e fala;

- Sandro por favor pode chamar a Maítre?

- Sim, chef.

Ficamos imóveis, parados olhando se realmente iria acontecer. Ela vem de dentro da cozinha, se aproxima de Stefano e questionam;

- Me chamou chef?

- Sim, o Mariano queria falar com você.

Ela dá uma olhada irônica e desconfortável;

- Eu pedi para lhe chamar Lorena, queria me desculpar pelo outro dia. Eu errei e fui preconceituoso. Quero pedir desculpas e perdão se te fiz se sentir desconfortável de alguma forma.

- Tudo bem, eu desculpo.

- Obrigado.

Stefano gesticula com a cabeça e ela se retira, e o silencio instaurado na mesa;

- Como está se sentindo? – Stefano me questiona.

- Estou bem.

- Vi que o que aconteceu, pena por ter perdido o jogo.

- Obrigado.

- Bem, essa mesa não é decoração, e sim agradecimento por terem vindo tão cedo.... Ficam a vontade, não sou um Chef Patisserrie, mas minha irmã aprovou tudo, rsrs.

- Pati... o que? – Pergunto rindo.

Achei a palavra muito engraçada, ele abre um sorriso e se abaixa para me responder, enquanto os outros se servem;

- Chef Patisserrie, é um Chef Confeiteiro.

- Ah tipo padeiro?

Quando eu falo ele dá umas risadas e responde;

- Quase, mais especialista em sobremesas, doces, pães, essas coisas.

- Ah entendi.

Vocês conhecem o Stefano, ele é um cara extremamente doce, e gentil, muito educado! Mas sua postura e jeito de falar intimida um pouco, creio que seu “posto”, influencia isso. Ele tem a minha altura, um rosto fino, bem desenhado, com mãos muito finas, e delicadas, creio que pela profissão, cabelo de cor anelada e sobrancelhas marcantes, uma boca de lábios sobressalentes, e dentes perfeitos, que formam um sorriso de covinhas nas suas bochechas medias, ele tem uma barba aparente, mas bem aparada, e olhos cor de mel. Aparentemente ele pratica exercícios, não parece ser definido, mas saudável digamos assim.

- Confesso ficar muito assustada quando recebi a notícia ontem Adrian, avisei meu irmão, até para irmos no hospital, mas logo você saiu. Como foi isso? – Lívia me pergunta.

Eu estava colocando açúcar no café, e eles me olham;

- Na festa do Leandro, antes do jogo.

- Não gosto de fazer eventos fora, é tantos funcionários, que você não consegue chegar tudo, e as vezes passa algo em branco que pode fazer mal, como aconteceu com Adrian. – Stefano comenta.

Eu termino de misturar o café e deixo a colher de lado;

- Não foi intoxicação alimentar. – Falo olhando em seus olhos.

- Adrian, por favor. – Mariano repreende.

Gabriela de olhos arregalados. E Lívia atenta;

- O que foi então? – Stefano questiona.

- Eu tive uma overdose. Fui parar na emergência por uma overdose de cocaína.

A cena pausada era a seguinte, Lívia de boca aberta. Gabriela com ambas mãos no rosto, o Mariano de olhos fechados, e Stefano sem reação alguma, me olhando.

- Ele está brincando, aí como gosta de fazer brincadeiras inapropriadas, né filho. - Mariano bate em minhas costas.

- Vocês são tão transparentes conosco, e não acho certo esconder isso. É verdade, eu fui nas ideias de uma antiga amizade e parei no hospital por isso. Não quero continuar com essa parceria mentindo para vocês. - Falo olhando nos olhos de Stefano.

- Cale a boca Adrian. - Mariano novamente.

- A imprensa aceitou a declaração dada? - Lívia pergunta.

- Sim, houve contrato com hospital, e pessoas que tiveram acesso ao prontuário. O clube cuidou de tudo isso! - Gabriela responde.

- Isso muda totalmente o rumo desta reunião certo? - Charles diz.

- Sim, iremos redigir o contrato de renovação Adrian, me perdoe mas temos que nos resguardar. Agradecemos sua sinceridade, mesmo, mas temos a perder caso isso vaze. -Lívia diz totalmente diferente conosco.

- Não vai vazar. - Gabriela firma a palavra.

- Você confia nisso? Que uma informação destas não irá vazar? - Stefano me encara.

- Eu dou minha palavra. - Gabriela intromete.

- Não quero a sua, não tem valor para mim. Adrian admiro muito sua atitude, mesmo sabendo que pode perder tudo abriu seu coração conosco. Mas o que tenho, está investido aqui, eu quero a sua palavra. – Stefano fala gesticulando, e apontando o dedo para mim.

- Se houver algum prejuízo de minha parte, eu cubro. Tem minha palavra Stefano. - Responde olhando em seus olhos.

- Charles passe as cláusulas do contrato. - Ele manda.

- Tem certeza Stefano? - Lívia exclama.

Ele não responde verbalmente, ouve a irmã e gesticula que sim ao rapaz.

- (...) O contrato sofre um reajuste de 8%. O serviço continuará o mesmo. Caso aja solicitação para divulgação de imagem, vídeo ou áudio os valores serão acordados novamente. A Le'Bianco entra como patrocinadora oficial do atleta, sendo estampada em todos eventos oferecidos pelo mesmo. Em opinião pública ou privada. Redes sociais, eventos particulares, entre outras e também (...).

Foram alguns minutos ouvindo ele, e seguindo todos com suas cópias do contrato em mãos. Todo o contrato era cômodo e a meu favor, seria sacanagem da minha parte omitir essa informação, como disse, dei minha palavra agora cabe a mim, cumprir ela perante os irmãos.


0 visualização
Assine para ser o primeiro a receber os capítulos 

Siga a gente:

©2015 por Armário Erótico Todos Direitos Reservados. Criado orgulhosamente com Richardson Garcia