• @rgpatrickoficial

crescendo - Capitulo 38

O Lucas marcou, dois minutos e trinta e cinco segundos, Thales envia mensagens, pronto, e em seguida ouvimos o barulho. E que barulho, foi um estrondo;

- Não me lembrava de ela ser tão alta. – Ele ainda comenta.

Pessoal os sistemas de alarme dos dormitórios eram automatizados, então o que houve foi todas as 8 torres tocarem ao mesmo tempo, causando uma bagunça. Somente assim, conseguimos sair do prédio sem ser vistos.


#Lucas


Tiramos as blusas deixando no caminho, e entramos no meio do tumulto. Por fazer vários treinamentos de incêndio já sabíamos os procedimentos.

O corpo de bombeiros chegou e eu e Hugo procurando o Thales, liberaram o prédio quase uma hora depois, para poder verificar tudo.

Eu peguei aquela foto e compartilhei com um conhecido, na manhã seguinte ela estava em redes sociais, televisão e rádio.

Todos queriam saber como tinha drogas dentro do colégio, como entraram e quem tirou aquela foto. Mas a visibilidade era de primeiro plano da Marcia Edna.

Eu nunca dormi tão bem na vida, acordei olhando ao redor e a Isabela de pé na janela, para provocar a puta estava só de camiseta e calcinha;

- Que foi? – Pergunto me espreguiçando.

- Tem uns cinco carros de polícia entrando no Colégio. – Ela diz afastando a cortina.

- Deve ter acontecido algo. – Digo, pegando minha toalha e seguindo para o banheiro.

Mano que sensação boa, de saber que tinha algum efeito. A questão era saber a proporção disso.

Eu tomei um banho, e enviei mensagem para o Thales, para irmos tomar café juntos, ele ainda não tinha descido. Me vesti e fui até seu quarto. Bate na porta e Elias abre.

Ele estava apostando tudo, sabem né, ele me odeia, Elias abre a porta de cueca box branca;

- Thales. – Ele chama ao me ver. – Que sorriso é esse Lucas?

- Nada, é que nem sua cara de merda me afeta mais. – Ele fecha a porta meio puto.

Eu abro novamente, chamando alto;

- Thales vai casar?

- Estou indo... mas gente. – Ele fala do banheiro.

Fico na porta, vendo o pessoal descer para o café, e cumprimentando alguns meninos do futebol, até ele aparecer. Mano o Thales estava muito lindo, de camiseta branca com mangas altas, calça preta, e um penteado que colocava volume no cabelo;

- Puta merda, vai onde? – Pergunto olhando ele, de cima para baixo.

- Tenho entrevista na faculdade hoje, minha mãe vem me buscar.

Eu abraço ele beijando sua boca, e Thales reclama;

- Lucas, cuidado, demorei um ano para passar essa camiseta.

- Nossa queria amarrotar ela toda, rsrs.

- Vamos logo.

Chegando no refeitório, nos sentamos com os meninos, porque a fila até o bife estava meio grande;

- Oi... Que cara é essa Hugo. – Pergunto sentando ao seu lado.

- De quem não dormiu essa noite Lucas.

- Que foi mano?

- Ainda pergunta, viu os carros de polícia aí. Pegamos pesado dessa vez mano.

- Também acho. – Alana Concorda.

- Escutem, os dois, você também Thales. Foi somente uma foto, o suficiente para desconfiarem da Marcia, e de sua gestão. A expulsão de Thales não vai passar despercebida, ela está implicada comigo e descontando nas pessoas próximas. Vitor, eu, Hugo, você Alana brigou nesse colégio, todos nós, e Thales é expulso?

- Lucas, olha isso.

Ela diz mostrando o celular, pessoal a foto estava em vários sites, tinha notícia de todo jeito, e memes né, porque as pessoas não perdoam.

- Alana, foi uma foto. Não pegaram ela dando um trago. E na boa, fazemos coisas piores que fumar um beck. Ei, mas que isso? Virou bagunça? – Falo com Elias, Isabela e Patrick se sentando na mesa.

- Está tudo cheio hoje Lucas, fica na sua. – Ele responde.

- Vou para minha entrevista, até mais para vocês. – Thales se levanta, antes mesmo de ele falar.

Eu beijei ele que foi saindo, e Patrick comenta;

- Nossa que mal humor. – Ele diz olhando para Elias.

- Fala do meu namorado na minha cara.

- Lucas fica na sua. – Hugo diz colocando a mão em meu ombro.

- Isabela preciso do quarto essa noite, vai ter que quebrar essa para mim.

- E onde vou dormir Lucas?

- No quarto do Thales.

- E porque não pode ficar lá?

- Isabela olha para a cara do Elias, ele está de TPM desde que comecei a namorar, acha que ele com essa dor de cotovelo vai deixar eu ter uma noite com meu namorado?

- Você está querendo cair na porrada né irmão? – Ele diz se levantando e batendo com a mão fechada na mesa.

- Ah por favor, cai dentro. – Falo levantando.

Hugo me segura e a Marcia Edna chega na mesa, junto ao Alexandre;

- Patrick e Elias, podem me acompanhar até minha sala?

- O que fizemos? Ele que começou. – Patrick fala apontando para mim.

- Estou falando grego, os dois agora. – Ela diz repreendendo.

Os garotos saem, e o Alexandre fica me olhando nos olhos;

- Que foi? – Pergunto.

Ele desvia e olha Hugo, que estava atrás de mim. Alexandre arregala os olhos, e coloca a mão no rosto, saindo.

Pego minha mochila seguindo para a aula e o Vitor me para no corredor;

- Eles quem fizeram a foto? – Ele pergunta olhando o fim do corredor.

- Eu não sei, você viu alguma coisa?

Ele me olha estranho;

- Eu vi? – Vitor pergunta.

Eu abro um sorriso saindo;

- Tenho aula.

Sabem aquele ditado né, “O Inimigo do meu Inimigo é meu amigo”, acho que é assim mesmo.


#Alana


Após o almoço, eu me troquei, e peguei minha mochila indo para a quadra, iriamos treinar coreografias para o próximo jogo.

O Hugo passa por mim correndo quando saio do prédio;

- Que isso meninos?

- Estou atrasado amor, tenho treino. – Ele fala subindo.

Uma das líderes estava indo comigo, a Priscila. Quando chegamos fomos para o vestiário e nos trocamos, as meninas foram chegando aos poucos e fazendo o mesmo;

- Gente vou indo arrumando lá de fora, enquanto terminam ai... Me ajuda Pri?

- Sim, vamos lá.

Quando chego na quadra vejo Isis e Isabela aproximando;

- O ensaio das líderes de torcida do Jk é fechado meninas.

- Nós viemos pois queremos participar Alana. – Isis diz com aquela cara de merda.

- Os testes são na próxima semana Isis.

- Não vou estar no colégio na próxima semana, eu e meu irmão vamos a Disney, e não...

- Tá tudo bem. Vamos lá.

- Alana! – Priscila fala me chamando a atenção.

- Ela quer fazer o teste Priscila.

Me sento a beira da quadra e fico olhando aquele show de horrores, e Isabela indo na vibe da Isis.

Elas colocaram uma música do BTS, e começaram a dançar, as meninas iam chegando e olhando aquilo, a Isabela até que tinha jeito, mas Isis nadinha.

Elas terminaram, eu ainda bato palmas, e as duas todas animadas;

- E ai?

- Desculpe, vocês não passaram Isabela. Boa sorte da próxima vez.

- Como não garota, você ainda bateu palmas. – Isis grita comigo.

- Primeiro não grita comigo garota, eu mando aqui, e por isso você está fora.

- Vou agora falar com a Diretora.

- Vai, e aproveita e fala para ela que não vou aprovar vocês agora porque querem entrar no time, só por causa da viagem desse fim de semana.

- Eu odeio você. – Isis resmunga.

- Entra na fila amiga. Meu Deus, vocês depois vão me agradecer desses dois embustes estarem longe. – Falo para as meninas. – Vamos começar então, vamos, vamos...

Hoje meu dia estava especial, eu terminei o ensaio com as meninas por volta de cinco da tarde, afinal de contas, adiantamos muito para a semana.

Sai correndo deixando a bagunça para elas e fui tomar um banho, estava atrasada para aula de teatro.

Tomei um banho rápido, me troquei correndo, quando abro a porta do quarto o Lucas, todo tranquilo;

- Menino está aqui ainda. – Pergunto trancando a porta.

- Sim, porque?

- É o Líder da turma do teatro, e está tranquilo assim Lucas.

- Não pedi esse posto, eles que me esperem...

- Vamos logo e para de bancar o rebelde, que isso aqui não é o Elite Way School.

- Elite o que?

- Esquece, sem cultura.

17 visualizações
Assine para ser o primeiro a receber os capítulos 

Siga a gente:

©2015 por Armário Erótico Todos Direitos Reservados. Criado orgulhosamente com Richardson Garcia