love

Me apaixonei pelo meu melhor amigo.

20/06/2017

Fonte: Crystal Ro / BuzzFeed

1) Como acontece esse sentimento?

Primeiramente vamos entender da onde que surge esse sentimento confuso. Nos apaixonamos por pessoas que nos fazem bem, por pessoas que se  encaixam na maioria das coisas que gostamos também. Então se apaixonar pelo melhor amigo não é coisa de outro mundo, você apenas começou a gostar de alguém que te faz bem e é próximo de você. Amizade é algo que compartilhamos com outra pessoa e não precisamos receber nada em troca, quando esse sentimento se torna paixão ou amor ele se intensifica e resulta em: doação, compartilhamento, companheirismo, etc.

apaixonada

2) Como expressar esse sentimento.

Uma hora ele tem que saber que você gosta dele, mas é necessário que haja reciprocidade da parte dele. Senão esse sentimento se tornará cobrança, e quando cobramos algo de alguém isso não  faz bem para o outro e muito menos para nós. O problema de se apaixonar por um amigo é que se não der certo você pode perder os dois juntos, amizade e amor. Mas expressar seus sentimentos não significa que não vai dar certo…tudo na vida pode dar errado ou pode dar certo não é mesmo? Contar a um amigo que você gosta dele é como jogar as cartas na mesa, ao mesmo tempo que você está pronta para ganhar, você também pode estar pronta para perder. Não será o fim do mundo caso não seja recíproco, é melhor uma amizade verdadeira do que um sentimento sem correspondência. Afinal, a base para o amor verdadeiro é a amizade.

Entregue-se a um amor moderno.

12/06/2017

Pesquisando no Google o significado de ‘’Moderno’’, apareceu: que acompanha a evolução e as tendências do mundo atual. Pois então, um namoro moderno é que segue as novas tendências: like no tinder, fim de semana no Netflix, mensagem de boa noite. Ok, vamos compreender e aceitar que muita coisa mudou nos últimos anos, mas também tem muita gente mantendo a velha tradição por aí. Manter os velhos hábitos não deixa perder aquele encantamento de filme que a maioria sonha e idealiza. Mas enfim, será que existe outras maneiras de definir um amor moderno e atual?

A forma de se relacionar mudou sim, mas a receita para manter um bom relacionamento ainda é a mesma da sua avó. Se relacionar com o outro com confiança, livre de pressões, e dedicação de ambos, ainda é uma das melhores formas de manter uma relação rica e saudável. Já que inovar é sempre bom, vamos sempre deixar a inovação falar mais alto e deixar para trás alguns hábitos rotineiros. Entregar-se a modernidade do amor é seguir o mesmo caminho de sempre, tropeçar, cair, levantar, nunca deixando de atualizar e renovar o amor que existe dentro de você. Feliz dia dos amores modernos!

Como conquistar o seu crush.

31/05/2017

Conquistar não é uma tarefa fácil não é mesmo? Há momentos e pessoas que acabam não se concretizando na nossa vida. Quem nunca se viu em uma situação dessas? Elaborei algumas dicas passo a passo que pode ajudar vocês a conquistarem o crush de vez!

1) Não seja orgulhosa

Ignorar é deixar o orgulho falar mais alto, e basicamente deixar que ele venha atrás, e isso é se fazer de difícil. ”Quando somos difíceis nos tornamos desejáveis, e quando somos fáceis nos tornamos descartáveis”. Ok, mas e se você correr atrás? Ás vezes pode ser a solução dos seus problemas, que tal deixar o orgulho de lado e dizer tudo aquilo que você sente, ou ter uma simples conversa com quem te faz bem? Não há mal nenhum em vencermos o orgulho. Essa guerra é a pior de todas, vamos fazer a saudade vencer o orgulho e sermos felizes de verdade? Vencer o medo de ser feliz pode ser a chave para você encontrar a sua felicidade dentro de você, não necessariamente em outra pessoa.

2) Tenha certeza dos seus sentimentos:

Será que você gosta mesmo dele ou são apenas borboletas no seu estômago te tirando noites de sono por pura carência? Ás vezes fantasiamos e insistimos em pessoas que só alimentam a nossa ilusão. Colocamos elas em cima de um pedestal maior que tudo e todos, e criamos expectativas em cima de algo que talvez não seja o que a gente pensa que é. Para insistir em alguém primeiro temos que ter a certeza de que nós gostamos da pessoa. Simples! A paixão ás vezes se torna uma projeção do que queremos ser na outra pessoa, ou projetamos nela o que queríamos que ela fosse. Quando a pessoa se torna um projeto e não uma troca de sentimentos não vale a pena continuar…e sim aceitar como nós somos e como essa pessoa é.

3) Escute o coração mas não deixe de usar o cérebro.

 Muitas vezes fechamos nosso coração e a razão fala mais alto, pensar com o cérebro é o que fazemos todos os dias, e é usando ele que ás vezes nos privamos de sofrer, pois pensamos: ”Eu mereço coisa melhor”, ”Não vou mais insistir em quem não está nem aí pra mim.” e é aí que o orgulho mora ao lado da razão. Mas…quando pensamos com o coração é hora de colocar todos nossos sentimentos na mesa, como cartas de um baralho pronto para ganhar o jogo. Você expressa tudo o que está sentindo de verdade, e isso pode te ajudar muito, ou não. Se ele gosta de você ele vai ficar com você, mas se ele gostar de você apenas para ser bons amigos…aí sim você usará a sua razão e seguirá em frente com muita força de vontade e aprendizado. Na teoria parece fácil mas é só vivendo na prática que aprendemos de verdade o momento certo de usar nosso coração.

4) Não espere pelo cara perfeito.

Costumo dizer que a vida é feita de fases e momentos. As fases servem para nos ensinar algo e os momentos para aproveitar o que aprendemos…O problema de algumas pessoas é que esperamos e insistimos em algo que nem começou, criamos expectativas naquilo que sabemos que tem pouca chance de acontecer.  O grande amor da sua vida não vai aparecer com uma placa indicando nome e endereço, ele vai entrar pelas portas do fundo da sua vida e te mostrar o que é amor de verdade, e que amor não tem nada a ver com paixão.  Mas é preciso alimentar esse sentimento todos os dias, senão ele morre!  Viva cada dia e aproveite muito porque o para sempre é um momento, e devemos aproveitar ele. Vai chegar o dia em que você vai sim encontrar alguém que faça suas emoções valerem a pena. E ele não precisa ser perfeito para você se apaixonar, ele precisa ser ele mesmo, e acima de tudo te respeitar.

5) Aprenda a lidar com finais:

Se o sentimento de vocês dois for verdadeiro você pode ter certeza de que ele permanecerá por um bom tempo ao seu lado. Mas uma coisa que aprendi vivendo é que nada é para sempre, os sentimentos também. Quando começamos um relacionamento parece que tudo vai durar eternamente pois os sentimentos e as emoções são muito intensos. Não devemos ficar pensando em términos e sim aprender a lidar com eles da sua maneira. Pois sempre devemos olhar para frente e continuar caminhando, a vida é feita de velhos e novos amores. Algo sempre vai permanecer no passado e te esperar no futuro.

O amor não tem pressa, somos nós que temos pressa de amar.

01/05/2017

Lembra daquela vez que eu queria entrar no seu mundo e a porta estava fechada? Tudo bem, sempre temos que respeitar as escolhas dos outros e aprender a conviver com o jeito deles. Mas acontece que no final da história você sempre volta para a gente recomeçar, e aí a gente começa de outro jeito, só que com ideais diferentes.

Nós sempre tivemos pressa, eu sei disso. Aquela pressa de se gostar, se agarrar, se jogar na cama e fazer tudo o que temos vontade. Desde aquela nossa última vez que nossos beijos se encontraram, pode ter certeza que eu desacelerei. Sabe quando aquela imaturidade vai ficando para trás e você só quer curtir a noite  ao lado do outro? Conversar, rir, bater papo, se conhecer, conviver. É isso que eu quero, porque atropelar eu já atropelei muito, e forçar nunca me trouxe nada de bom.

Faz assim então, deixa aquela sua vontade louca de me ter um pouco guardada, vamos explorar passo a passo o que a paixão pode nos proporcionar. Desculpa eu ter me tornado assim, é que eu já coloquei muito ponto final onde ainda cabiam várias reticências.

Onde é que estão as pessoas que querem amar?

16/04/2017

Sabe aquele cara mais maduro que desperta na gente  algo sem explicação? Com toda certeza esse cara era você, que reacendeu em mim a esperança de acreditar de novo nas pessoas. Até que, mergulhei nas noites da cidade e você estava lá, com o som no fundo, as luzes espalhadas e várias pessoas em volta. Oi. Eu demorei muito tempo para descobrir que um oi é suficiente, o suficiente para perceber que dentre todas aquelas pessoas, eu queria era você. Voltei na esperança de recuperar o oi desperdiçado que você me deu. Tarde demais, outra pessoa já tinha ultrapassado a barreira. Apertei o copo de plástico para descontar tudo o que eu estava sentindo por você naquela hora. Chamei um Uber e parti, eu não queria ser mais um da sua noite. Escolhas. Onde é que estão as pessoas que querem amar?